A diferença entre cursar MBA no Brasil e no exterior

No momento em que consideramos frequentar um curso de MBA com o intuito de evoluir na carreira profissional, aumentando os ganhos salariais e nos destacando no mercado de negócios, existem diversos aspectos que devem ser analisados.

 

Não adianta realizar uma simples pesquisa e selecionar o MBA que seu colega de trabalho frequentou, ou o mais popular por investir em divulgação.

 


LEIA TAMBÉM: MBA – Etapa importante para sua ascensão profissional

 

É necessário que o profissional entenda a importância em frequentar um MBA que seja capaz de transmitir conhecimentos sólidos, atuais, úteis e que reúna todas as características e aspectos curriculares que efetivamente vão contribuir para a evolução da sua carreira.

 

MBA NO BRASIL
O curso de MBA ministrado totalmente no Brasil costuma ocorrer duas vezes na semana, no período noturno, para que o aluno possa continuar a trabalhar no horário normal sem precisar pedir dispensa da empresa.

 

 

O foco dos cursos ministrados no país é essencialmente teórico com um fim mais acadêmico, e por isso costuma deixar as discussões e a prática em segundo plano.

 

A seleção para frequentar as aulas não é muito rigorosa, consistindo em uma análise superficial de currículo e uma simples entrevista. Isso acaba por resultar em turmas muito diversificadas, o que pode causar uma queda no aproveitamento de conteúdo, de uma forma geral.

 


LEIA TAMBÉM: 5 razões para você investir em MBA

 

Outro aspecto a ser abordado é com relação à qualidade dos cursos oferecidos de um modo geral. O MEC classificou o MBA como lato sensu aqui no Brasil, exigiu uma carga horária reduzida e com isso, as instituições não se preocuparam em investir na qualidade.

 

Portanto, em sua maioria, o MBA no Brasil apenas complementa o currículo, não sendo capaz de trazer ao profissional resultados efetivos e satisfatórios ao investimento realizado.

 

MBA NO EXTERIOR

 

O curso de MBA ministrado totalmente no exterior exige bem mais de seus pretensos alunos. Para que o profissional possa ingressar no curso deve passar por alguns testes, como o TOEFL – Test of English as a Foreign Language – para medir a proficiência em inglês e o GMAT – Graduate Mangement Admission Test, que testa conhecimentos em matemática.

 

Assim, se o profissional não possui os conhecimentos suficientes na língua e na matéria, ainda precisa reforçar os estudos específicos e investir várias horas de seu tempo a fim de adquirir os conhecimentos suficientes para ser aprovado na admissão no MBA.

 

 

Outro importante ponto a ser considerado é que a mudança para outro país por um período relativamente longo pode causar a perda do cargo no Brasil, caso não haja acordo sobre o afastamento com a empresa empregadora.

 

Ocorre também que inevitavelmente você também não conseguirá exercer nenhuma atividade profissional no exterior, pois as aulas ocorrem usualmente em período integral.

 

A metodologia internacional exige que você se prepare antes das aulas para conseguir acompanhá-las adequadamente e participe de maneira mais ativa nos debates. Em razão disso, o tempo que você poderia ter livre para algum lazer, deverá investir em leituras maciças para ser capaz de acompanhar adequadamente as aulas.

 

MBA SEDA

 

O MBA SEDA possui uma estrutura que une apenas os melhores aspectos de ambas os cursos nacionais e internacionais.

 

Inicialmente, o profissional passará por uma entrevista para identificar seus objetivos com o MBA; ocorrerá também uma análise de seu currículo e uma prova para testar os conhecimentos que possui na língua inglesa.

 

Tudo isso para que o nível de conhecimento na turma a ser formada seja adequado e ocorra uma soma entre os alunos, uma troca eficiente de experiências e um debate de alto nível.

 

Após esse procedimento, o profissional passará a frequentar as aulas que ocorrem à noite, para que seja possível manter a rotina de trabalho e também a de estudos.

 

Uma parte do MBA SEDA ocorre na Irlanda, na cidade de Dublin, proporcionando uma total vivência da língua inglesa e imersão na sua cultura, além de visita a empresas locais, universidades parceiras, por um mês.


LEIA TAMBÉM: Entenda o que é um MBA

 

Além de fornecer um conhecimento abrangente de cada uma das principais funções do negócio, a estrutura do curso MBA SEDA garante que seus alunos alinhem teoria e prática, por meio de estudos de casos, visita a empresas, possibilidade de intercâmbios e estágios em empresas parceiras no Brasil e no exterior.

 

Por isso, nada mais adequado do que o MBA SEDA para proporcionar definitivamente a ascensão profissional que tanto busca, em consonância com seu horário de trabalho, com a vivência internacional que precisa para expandir os horizontes e ter uma visão global de negócios.

 

Chegou a hora de investir em você! Confira mais informações sobre nosso MBA em nosso site ou envie um email para [email protected]

João Marcos

Adicionar comentário